11
jul

2019

Estufa agrícola contribuirá com pesquisa e desenvolvimento de novos produtos do agronegócio, da Rio Deserto

TAGS:

Estufa_2

A pesquisa e o desenvolvimento de novos produtos da Ragro – empresa atuante no agronegócio que faz parte da Rio Deserto, ganharão força com a utilização de uma estufa agrícola. A estrutura foi construída anexa ao Complexo Industrial, no município de Urussanga (SC). No local, os estudos para o segmento Plant Protect, relacionado ao fortalecimento vegetal, devem ganhar evidência.

O analista agrônomo, engenheiro Claudemir Zuchinalli Junior, explica que o novo espaço contribuirá na execução de ensaios em ambiente controlado, viabilizando a condução de experimentos em épocas desfavoráveis às culturas de interesse, devido ao controle de água, luz e temperatura. “O manejo dos fatores permite a execução de ensaios específicos, além de diminuir fontes de erro experimental”, afirma.

Segundo o engenheiro agrônomo, a estufa agrícola servirá de apoio para toda Rio Deserto, podendo ser realizados ensaios com os produtos e protótipos em diferentes condições, sendo analisados a eficácia, a aplicabilidade, o custo-benefício e outros aspectos inerentes a cada pesquisa. “De forma geral, possibilitará a validação de novos produtos, ampliando o portfólio e inserindo a empresa de forma competitiva no segmento agrícola. Deve também reduzir custos em comparação às pesquisas de campo, oferecer mais autonomia no desenvolvimento de novos produtos, além do monitoramento das tecnologias já desenvolvidas”, justifica Claudemir Jr.

TAGS:

fb-like
fb-share